Conheça Monção e delicie-se com a gastronomia, o vinho Alvarinho e o património

Monção é uma vila raiana portuguesa no Distrito de Viana do Castelo, região Norte e sub-região do Minho-Lima, com cerca de 2500 habitantes.

É sede de um município com 211,31 km² de área e 19 230 habitantes (2011), subdividido em 24 freguesias. O município é limitado a norte por Salvaterra do Minho (Galiza, Espanha) e Arbo (Galiza, Espanha), a leste pelo município de Melgaço, a sul por Arcos de Valdevez, a sudoeste por Paredes de Coura e a oeste por Valença.

O ponto mais alto do concelho no alto de S. António de Vale dos Poldros, com 1 114 metros de altitude, na freguesia de Riba de Mouro.

Está localizado a dois quilómetros do município galego de Salvaterra do Minho, ao qual está ligado por uma ponte sobre o rio Minho.

Freguesia de Monção
Freguesia de Monção
Freguesia de Monção

  Freguesias de Monção

Abedim | Anhões/Luzio | Barbeita | Barroças e Taias | Bela | Cambeses | Ceivães/Badim | Lara | Longos Vales | Mazedo/Cortes | Merufe | Messegães/Valadares/Sá | Monção/Troviscoso | Moreira | Pias | Pinheiros | Podame | Portela | Riba de Mouro | Sago/Lordelo/Parada | Segude | Tangil | Troporiz/Lapela | Trute

  Gastronomia

O concelho de Monção oferece um vasto cardápio de
paladar caseiro e gostoso, de onde se destaca: Cabrito assado no forno; Cordeiro à Moda de Monção, conhecido como “Foda à
Monção”; Arroz de açafrão; Chouriço de Lordelo; Pãezinhos de Deuladeu; Barrigas de freira; Vinho Alvarinho.

  Vinho Alvarinho

Destaca-se ainda o vinho Alvarinho, suporte de identidade cultural e histórica do concelho. De extrema singularidade e qualidade elevada, o Alvarinho é considerado um dos melhores vinhos brancos do mundo.

  Recursos Naturais

A Natureza é uma presença constante neste território, encontrando-se paraísos de grande beleza.

Penedo da Toca : Grande monólito granítico com mais de cinco metros de altura. Está coberto e ladeado de pinhal. Está classificado como imóvel de interesse público.

Rio Mouro: Rio de pequeno caudal, de águas límpidas e espelhadas, que desagua no rio Minho.

Caldas de Monção: espaço verde

Costa da Lomba: parque de merendas

Margens do Rio Gadanha

Margens do Rio Minho

Locais a visitar em Monção
Locais a visitar em Monção

  Locais a visitar

CASTELO DE MONÇÃO

Erguido na margem esquerda, a jusante de Melgaço, tinha como função primitiva defender neste trecho a passagem do rio Minho. O castelo celebrizou-se durante as campanhas movidas por D. Fernando contra Castela, as chamadas Guerras fernandinas. Conta a tradição que estando o castelo cercado em 1369, Deu-la-deu Martins, esposa do alcaide, recorreu à última reserva de farinha dos defensores para fazer pão, que lançou por sobre os muros sobre os sitiantes. Estes, compreendendo que a praça estava bem suprida de víveres, o que prolongaria em demasia o assédio, levantaram o cerco e retiraram-se.

TERMAS DE MONÇÃO

As águas das termas de Monção são hiper termais (brota a 49,5º) hipersalinas, sulfúreas, sódicas, litinadas, fluoretadas, com um pH de 7,4. A temperatura da água das nascentes varia entre os 30º e os 49º. As termas são especialmente recomendadas para tratamento de doenças de pele, do aparelho locomotor e ainda doenças crónicas das vias respiratórias. Para além da cura termal tradicional são proporcionados programas específicos de bem-estar termal, relaxamento, manutenção, reeducação dietética, emagrecimento e anti-stress.

CINE-TEATRO JOÃO VERDE

Inaugurado em 11 de Junho de 1949. Foi encerrado pelos proprietários a 31 de Dezembro de 1986, tendo ficado votado ao abandono. Foi adquirido pela Câmara de Monção por 350 mil euros em 1998. Após obras de reabilitação que custaram mais de 2,5 milhões de euros foi inaugurado como Teatro Municipal em 25 de Abril de 2013.

MUSEU DO ALVARINHO

O Museu do Alvarinho, localizado na Casa do Curro, foi inaugurado no dia 28 de Fevereiro de 2015. Constitui um espaço de promoção, comercialização e degustação do vinho Alvarinho, um produto demarcado e singular com elevada importância na economia de muitas famílias monçanenses e suporte da identidade cultural e histórica do concelho. Distribuído por diferentes áreas, o museu proporciona aos visitantes uma autêntica viagem pelo mundo deste famoso néctar, disponibilizando informação interativa sobre a origem, evolução e empresas dedicadas à produção deste verdadeiro ex. libris do concelho de Monção.

PALÁCIO DA BREJOEIRA

Localiza-se na freguesia de Pinheiros. A seis quilómetros a sul de Monção, inscreve-se em uma vasta propriedade rural, dividida entre 18 hectares de vinha, oito de bosque e três de jardim. Este sumptuoso palácio constitui-se num expoente das moradias fidalgas no país. Em estilo neoclássico, apresenta planta em forma de "L". As suas quatro fachadas são limitadas por três torreões. No seu interior encontram-se faustosos salões com valiosas pinturas e frescos e distinta decoração, bem como uma capela e um teatro. Está rodeado de frondosa mata e encantadores jardins com magnólias e japoneiras.

IGREJA DE VALADARES

Foi construída nos séculos XVII e XVIII, com elementos Barrocos e Neoclássicos. Foi classificada como imóvel de interesse público em 5 de Dezembro de 1961.

IGREJA DE LONGOS VALES

Fundado na segunda metade do século XII por D. Afonso Henriques que lhe concedeu muitas rendas e privilégios. O cardeal D. Henrique (depois rei) fez com que o mosteiro, dependências e rendas fossem dadas à Companhia de Jesus, por bula do Papa Júlio II, em 1551. Os jesuítas reformaram completamente o mosteiro e da primitiva construção medieval, apenas resta a capela mor. Está classificada como Monumento Nacional desde 19 de Fevereiro de 1926. Em 2010 o mosteiro pertence a particulares, estando à venda por um milhão de euros.

Locais a visitar Monção
Locais a visitar Monção

  Costumes & Tradições / Festividades

FESTA DA COCA

Na Quinta-feira de Corpo de Deus, inclui um pitoresco «combate» ritual entre São Jorge e o dragão (a «coca»). Tal como na Idade Média, na procissão seguem em cortejo o Boi Bento, de cornos envernizados e enfeitados de flores e fitas, o Carro das Ervas, engalanado de verdura e cheio de anjinhos, o cavaleiro S. Jorge, fulgurante cavaleiro medieval, e a Coca, monstro que simboliza o mal. Depois da procissão, S. Jorge defronta a Coca num renhido torneio, cujas peripécias entusiasmam a multidão.

FESTA EM HONRA À VIRGEM DAS DORES

Regra geral acontece no terceiro fim-de-semana de Agosto. Conta com a presença de muitos emigrantes que fazem coincidir o seu tempo de férias com a celebração desta festividade. Os momentos mais fortes, que reúnem milhares de pessoas nas ruas e varandas do centro histórico, são a procissão solene em honra à Virgem das Dores, no domingo, principal dia das festividades, e a procissão solene em honra do emigrante, segunda-feira, último dia.

FESTIVAL INTERNACIONAL DE FOLCLORE PONTE DO MOURO E ALVARINHO - FOLK MONÇÃO

Promovido pelo Rancho Folclórico da Casa do Povo de Barbeita, realiza-se anualmente., em Agosto. Os espetáculos têm lugar na Praça Deu-La-Deu, com 1500 lugares sentados e grande espaço em redor para assistir em pé. Na mesma praça cada grupo tem a possibilidade de instalar uma tribuna de exposição e venda de artesanato, discos ou outros produtos representativos do grupo e da sua região.

FEIRA DO ALVARINHO DE MONÇÃO

Realiza-se habitualmente no primeiro fim-de-semana de Julho. É um dos eventos dedicados à promoção e comercialização de vinhos mais procurados e prestigiados do país. Ao longo dos três dias, a feira é visitada por 70 a 80 mil pessoas. Reúne sempre mais de uma centena de expositores. Podem-se encontrar os produtores de vinho, tasquinhas, fumeiros, doçaria tradicional, expositores de artesanato, instituições sociais, culturais e desportivas, etc.

  Desporto

PISCINA MUNICIPAL

Projetada pelo arquiteto António Albuquerque Calvão, a piscina municipal transmite uma imagem de sobriedade e destaca-se pela elegância e luminosidade. Em termos desportivos, possui as caraterísticas necessárias para receber competições internacionais. Tem ainda zona de solário, massagens, banhos turcos, sauna, jacuzzi e ginásio.

POLIDESPORTIVOS

Doze polidesportivos nas freguesias de Badim, Barbeita, Bela, Lapela, Lara, Longos Vales, Messegães, Monção, Moreira, Pias, Riba de Mouro, e Troporiz, contribuindo, desta forma, para a prática desportiva informal e realização de torneios de futebol de salão no período de verão.

PAVILHÃO GIMNODESPORTIVO

Pavilhão da EB 2.3 possui uma atividade intensa, servindo a população escolar entre as 08h30 e as 18h00 durante os dias úteis e as coletividades do concelho entre as 18h00 e as 24h00 (treinos) e aos fins-de-semana e feriados (competição).

PARQUE DESPORTIVO DO VALE DO GADANHA

Engloba balneários novos e campo sintético.

PARQUE DESPORTIVO MUNICIPAL DAS CALDAS

O equipamento desportivo, localizado junto à piscina municipal e balneário termal, divide-se em duas zonas distintas. Numa área situa-se um campo de futebol de onze sintético com bancadas e balneários e, em outra, um campo polidesportivo e dois courts de ténis.

PROVAS DE BTT

As 24 freguesias de concelho de Monção, servidas por espaços fluviais e de montanha de rara beleza, são cenários perfeitos para a realização de atividades radicais e de lazer, juntando família e amigos em momentos de adrenalina, emoção, convívio e relaxamento.

A comunhão com a natureza faz-se com naturalidade quer seja caminhando quer seja em quatro ou duas rodas. As iniciativas são variadas, destacando-se, entre estas, as provas de BTT que, nos últimos anos, tem crescido exponencialmente em número de praticantes.

Os participantes, que chegam de várias localidades de Portugal e da Galiza, podem constatar a beleza das nossas paisagens e o nível organizativo das nossas associações e clubes. Na primavera e verão, as provas enchem de alegria e boa disposição participantes e residentes.

>> A XI Rota da Coca realiza-se em junho.

>> O 7º Passeio BTT da Casa do Povo de Tangil realiza-se em junho.

TORNEIO INTERNACIONAL DE KARATÉ

Fundado em 2010, o Deu-la-Deu Karaté Clube de Monção tem em atividade perto de uma centena de atletas de diferentes idades, promovendo demonstrações públicas da modalidade e participando em encontros de karaté realizados em diferentes regiões do país.

Um dos pontos altos da atividade do clube é a organização de um torneio internacional de karaté, o qual engloba centenas de atletas e dezenas de clubes de vários países. Entre estes, contam-se alguns campeões nacionais e regionais em vários escalões

Além de promover a prática da modalidade, o Deu-la-Deu Karaté Clube de Monção aponta como principais objetivos do torneio a rodagem dos atletas mais jovens e a divulgação do clube e do concelho de Monção. Salienta ainda o intercâmbio e a aprendizagem que estas iniciativas proporcionam aos atletas mais novos.

O II Torneio Internacional de Karaté realiza-se em maio.

MILHA SOLIDÁRIA S. SILVESTRE

A Prova Solidária de S. Silvestre, ligando as localidades de Monção e Salvaterra de Miño num percurso superior a cinco quilómetros, junta a prática desportiva com a solidariedade. Para participar, basta entregar um alimento não perecível. O lema é fazer exercício físico, ajudando o próximo.

A partida e chegada faz-se alternadamente entre as duas localidades. O objetivo é sinalizar um momento de carinho e solidariedade para quem mais necessita, assumindo-se também como uma prova desportiva marcada pela informalidade e sã convivência.

Todos os anos, após o Natal e antes do ano novo, a organização “convoca” a população das duas margens a participarem nesta prova solidária, convidando as pessoas a fazerem exercício físico enquanto praticam o bem em beneficio de quem precisa.

FESTA DO MINIBASKET

O Monção Basket Clube, em atividade há década e meia, junta muitos praticantes do concelho de Monção, reunindo, em diferentes escalões, perto de uma centena de jovens atletas de ambos os sexos. Os treinos e jogos decorrem no Pavilhão Desportivo de Monção.

Com o intuito de cativar crianças/jovens para a prática da modalidade e garantir continuidade formativa e competitiva ao clube, todos os anos a direção organiza a “Festa do Minibasket”, torneio a nível nacional e internacional para jovens basquetebolistas.

Como são acompanhados pelos dirigentes, técnicos e familiares, este encontro de jovens praticantes de basquetebol propícia a vinda de muita gente a Monção, complementando a vertente desportiva com a rentabilização económica associada à dinamização da restauração e estabelecimentos comerciais.

Imagem rodapé

© 2019 LC Domingues - Todos os Direitos Reservados | Legal | Comunicação com alma by Comunicação global: Design Estratégia Marketing Publicidade Internet